Usando .todo() em testes no Jest

October 01, 2020

Esquecer de escrever testes pode ser mais comum do que imaginamos, principalmente se você não trabalha com algum processo que priorize a escrita de testes, como o TDD, ou se você estiver muito imerso no que está sendo desenvolvido e acaba deixando os testes para um segundo momento.

Se você está utilizando o Jest como framework de teste, existe um método que nos permite declarar todos nos nossos arquivos de testes.

ANTES

describe('Sum', () => {
  it('Should sum two numbers', () => {}); // vai passar mas sem testar nada =(
  it('Should sum function fail'); // vai falhar =(
});

DEPOIS

describe('Sum', () => {
  it.todo('Should sum two numbers'); // vai aparecer como um TODO na nossa suite de testes
  it.todo('Should sum function fail'); // vai aparecer como um TODO na nossa suite de testes
});

E como fica quando executamos nossos testes?

A melhor parte é que o Jest nos mostra de forma clara se temos testes em TODO e quantos são. test suite

Uma boa prática no uso do todo, é durante o desenvolvimento ir inserindo os cenários de testes para depois não precisar ficar lembrando dos cenários que você gostaria de testar e acabar deixando de testar algo. =)


Empreendedorismo; Programação; Cerveja; Startups; São Paulo

Twitter